Guarulhense conquista vice-campeonato em seu primeiro torneio de vôlei

Por Deyvid Xavier

O técnico Bira e seus comandados elevaram o nome do Guarulhense no vôlei logo em seu primeiro torneio. Foto: Divulgação

O técnico Bira e seus comandados elevaram o nome do Guarulhense no vôlei logo em seu primeiro torneio. Foto: Divulgação

Na disputa da Taça Ouro do último sábado, 1º, o time infanto de vôlei do Guarulhense conquistou um bom resultado e saiu com o segundo lugar em sua primeira competição, disputada em Ferraz de Vasconcelos.

O torneio foi realizado com quatro equipes, em melhor de 3 sets. O Guarulhense venceu a estreia diante do Modenna Voleibol por 2 a 1, com parciais 29×31, 25×17 e 15×11. O segundo confronto foi contra o Thomaz Mazzoni/Vila Maria, em que o Galo perdeu por 2 a 1, com parciais 29×27, 26×28 e 15×17. A última partida da primeira fase foi contra o Semjel/Itapeva, com vitória do time de Guarulhos por 2 a 0, com duas parciais 25×15.

Responsável pelo time adulto e também pela equipe infanto, o técnico Bira analisou o comportamento da equipe nesta primeira competição. “Me surpreendeu a maneira que jogaram. Ainda precisamos melhorar a parte técnica e tática, e na parte psicológica, é aprender a ter paciência e saber o que fazer na hora das definições”, disse o treinador.

A lembrança do vice-campeonato já está na galeria da sede do Guarulhense. Foto: Deyvid Xavier

A lembrança do vice-campeonato já está na galeria da sede do Guarulhense. Foto: Deyvid Xavier

A grande decisão veio contra o time que impôs a única derrota ao Atlético na primeira fase, e o placar se repetiu, com 2 a 1 para o Thomaz Mazzoni/Vila Maria, deixando o Galo com o vice-campeonato da competição.

“Isto dá mais motivação para seguir em frente e treinar mais , pois mesmo com o vice campeonato, jogamos bem. Faltam alguns detalhes na parte técnica a tática. Espero que o aprendizado com o campeonato gere uma mudança positiva para que, em uma próxima competição, não sejam cometidos os mesmos erros, finalizou Bira.